19 de setembro de 2008

A segunda vez é ainda melhor?


Tudo que é bom a gente sempre quer repeteco, não é? Aquela sobremesa deliciosa que sua vó faz especialmente para você... aquele beijo roubado por alguém que a gente tanto desejava... aquele elogio inesperado... aquele ação boa que a gente fez e que rendeu frutos...

Se tudo que é bom, a gente deve repetir, estou eu aqui para repetir mais uma Exceção. Mais todos sabem também, que na segunda vez o gosto já é diferente. Se na feitura da primeira revista, tudo parecia novidade e eu estava imaturo diante dela, agora parece que eu vou é me lambuzar...

Não que as novidades não estejam presentes... porque elas estão: no novo grupo, na nova dinâmica, na minha postura, nos meus desejos, no meu jornalismo. Na Exceção passada, me juntei a Dani Horta para contarmos uma bela história, de seis rapazes santa-cruzenses e loucos que resolveram construir um avião, isso na década de 30. Conseguiu imaginar? Foi uma matéria deliciosa de se fazer e mais ainda, de publicar.

Por enquanto, posso lhe dizer que, na matéria dessa Exceção eu convido você para conhecer uma ilustre moradora de um lugar um tanto que inusitado, uma moradora que é legitimamente uma EXCEÇÃO. Mas eu quero mais! E aqui no blog você vai conhecer aos poucos essa doce e encantadora moradora e descobrir minhas possíveis futuras pautas. E vou continuar também no Blog do Unicom contando minhas agruras de lidar com a morte....

Um bom repeteco para todo nós ou uma segunda vez ainda melhor!!!

4 comentários:

Ana Flávia Hantt disse...

Sancler, tenho que te dizer que a imagem desse doce é uma perdição....

mcmelz disse...

o doce é uma indireta para, quem sabe, tipo assim, um café ou uma lasanha com sobremesa na mansão amarelada?

:O

Sancler Ebert disse...

Claro... tudo com várias intenções... Melhorou da mordida???

mcmelz disse...

fui no HPS fazer vacina antitetanica e depois me mandaram para o sanatorio do partenon fazer a vacina anti-rabica... ate agora nao entendi o motivo do sanatorio!

por enquanto estou viva e ainda nao precisei amputar a perna. informacoes sobre o cachorro saberei amanha de manha, quando volto para a santinha city!

\o/